Ode ao meu amor

Tumblr_mia5wolv8a1s61vl9o1_400_large

Eras o sopro frio da manhã

Eras a calmaria do fim

Eras o sol que invade o quarto

A flor mais linda do jardim

 

Cantavas acima do barulho

Zumbia pelas flores sem temer

Cantavas porque era necessário

Alimentar-me  do teu ser

 

A ausência veio então

Levar-lhe para longe de mim

Fiquei assim: sem razão

Sem a flor mais linda do jardim

 

Flor, se tu me ouves

Canta teu canto de volta

Canta porque ainda te espero

Aqui, parada na porta. 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s