Quero minhas lágrimas de volta

Devolva-me aquele urso de pelúcia que eu te dei no Natal. Quero de volta meus CDs do The Cure, Joy Division e The Smiths. Rasgue o ingresso daquele filme que assistimos mês passado (lembra como rimos quando o protagonista caiu dentro do lago?). Queime nossas fotos, inclusive as da praia. Procure aquela camisa que eu te dei quando começamos a namorar. Tenho certeza de que você ainda a guarda. Ah, e claro, devolva-a para mim.

Quero meus livros do Fernando Pessoa, Pablo Neruda e William Shakespeare. Afinal, desconfio que você ao menos leu o prefácio de cada um deles.

Quero minhas lágrimas de volta. Todas as minhas preciosas lágrimas que chorei em momentos de alegria e tristeza. Quero todos os sorrisos de volta. Os que sorri por nós e os que sorri para você.

Quero todo o sofrimento involuntário desses três anos de convivência. Sabia que é indelicado fazer uma dama sofrer tanto assim?

Quero todas as nossas memórias, momentos, angústias, risadas, bagunças, mentiras, verdades, sonhos, olhares, carinhos, perfumes, beijos, abraços… Devolva-me tudo.

No fim, colocarei tudo isso dentro de uma caixa e a mandarei para bem longe. E, dentro dela também, meu coração.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s